publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 26 Outubro , 2014, 22:37

mag.jpg

 

Já se tornou um hábito que, por esta altura do ano, a Flor do Alva faça os pagamentos aos seus músicos e que, para a circunstância, nas brasas de uma fogueira, ateada no espaço do Chafariz de S. Sebastião, asse umas castanhas acompanhadas com a adequada jeropiga, para que o momento seja partilhado com um mais animado ambiente. Só que, também é habitual que por esta altura já se sinta uma aragem bem fresquinha, a convidar ao calor da fogueira.

Mas a realidade este ano foi bem diferente. A noite morna nem por isso aproximou os nossos filarmónicos da fogueira. Quanto às castanhas, essas lá marcharam sem negaças e, bem regadas com jeropiga, sempre deram um ar de graça e de encenação de um S. Martinho antecipado.

 

Fotos: Fábio Leitão   

 

unnamed.jpg

 

mag2.jpg

 

 

 


comentários recentes
Não foi de Covid
DISTÂNCIA/SEPARATISMO DOS PARASITAS-HORRORIZADOS c...
Foi de Covid-19?
Caro Sr. Avelar: obrigado pelo seu comentário. Apr...
As nossas condolências para a família toda.Frenk e...
" Ser Poeta ė ser mais alto...(Florbela Espanca)Qu...
Caro Nuno: Gostei muito. Aliás não esperava outra ...
Demasiado jovem para partir.Que descanse em paz.
Sentidos pêsames a toda a família. Muita força e c...
Boa tarde. Qual é o valor em ml de 2/5 de azeite?
Outubro 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

14
16
17
18

21
23
25

31


pesquisar neste blog