publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 12 Agosto , 2015, 08:33

b.jpg

 

Longe dos aparatos tecnológicos de hoje, as “festas” de antigamente valiam-se dos recursos caseiros disponíveis, com total envolvência da comunidade em tudo o que eram os seus elementos componentes.

Havia, assim, um tempo de preparação da festa, com a feitura dos seus artefactos, que era em si já um tempo de festa.

A foto terá cerca de sessenta anos e espelha um carro alegórico, puxado por uma parelha de bois, conduzida pelo saudoso Sr. Artur, de um cortejo em que estavam representados todos os bairros da vila e que se destinava à angariação de fundos para uma qualquer obra.

O povo divertia-se e havia uma alegria indiscritível. As “festas” eram mesmo para todos.

Nestas “festas de verão”, do presente, será tanto assim?

 

Nuno Espinal


comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Agosto 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
14
15

17
18
21

25
26
28

30


pesquisar neste blog