publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 28 Janeiro , 2019, 14:41

50622443_338309280347438_820280307621036032_n-001.jpg

O CLDS (Contratos Locais de Desenvolvimento Social) com objetivos dirigidos à inclusão social, terminou em Arganil, no seu ciclo 3G (terceira geração), o seu triénio de atividades, que teve um reconhecimento generalizado como de grande êxito.

Para assinalar o seu termo, realizou-se no Auditório da Cerâmica de Arganil, preenchido por uma audiência muito composta, uma sessão que reuniu toda a equipa que o integrou, nomeadamente as entidades executoras do projeto, ou seja, a nossa Santa Casa, representada pelo nosso Provedor, Dr. Nuno Espinal, o Centro Paroquial do Sarzedo e a Associação Passo a Passo e a entidade coordenadora, designadamente o Centro Social Paroquial de Coja, representado pelo Padre Daniel Rodrigues.

Todos os membros da equipa discursaram, nomeadamente os representantes das entidades já referidas e ainda as técnicas que deram corpo ao projeto, nas quais se contou a vilacovense Dra. Andreia Paiva.

O nosso Provedor, Dr. Nuno Espinal, na sua intervenção, depois de saudar os seus pares institucionais, elencou muitas das ações que foram protagonizadas pelo CLDS, dando destaque à criação da organização dos “Pequenos Produtores e Comerciante”, projeto que envolveu, como entidade executora, a nossa Santa Casa.

Referiu que o “centro nevrálgico” da atuação do CLDS se localizou no grupo de técnicas contratadas, técnicas merecedoras dos maiores aplausos pelos seus profissionalismo e produtividade.

Por fim teceu largos elogios à Coordenadora Técnica do projeto, Dra. Elisabete Oliveira, pelos seus profissionalismo, eficácia, espírito inovador, método democrático e humanismo com que caracterizou toda a sua atuação.

Uma nota também para o discurso do Presidente da Câmara, Dr. Luís Paulo, que anunciou um novo projeto do CLDS, que será o 4G, que, e citando as suas palavras de que “em equipa que ganha não se mexe”, terá como equipa os mesmos elementos do projeto 3G.

A Santa Casa de Misericórdia de Vila Cova de Alva já foi, por intermédio do seu Provedor, convidada para integrar o novo projeto de CLDS, tendo aceitado o convite.

 

Mónica Ferreira


comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Janeiro 2019
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
15

21
23
24
25
26

29
30


pesquisar neste blog