publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 21 Junho , 2016, 17:21

IMG_1611.JPG

Dia a dia, o sol, no seu ocaso, recorta o horizonte em viagem que que se cursa da esquerda para a direita, na caminhada para o verão e da direita para a esquerda, na caminhada para o inverno.

Aqui, em Vila Cova, no meu circunstancial observatório, vou assistindo, com as intermitências ditadas pelo meus (ou não) estares, a esta deriva, que se extrema, em cada ano, ou no solstício de verão, como ontem aconteceu, ou no solstício de inverno, o que acontecerá a vinte e um de dezembro.

“O dia mais longo do ano”, ouve-se dizer. E mais se diz: “começou o verão”.

 E o sol, que ontem bateu o horizonte junto ao cedro da Matriz, já agora inflete a sua marcha, em direção à mata do Convento.

Ano a ano tudo tão rigorosamente matemático, tudo tão divinamente determinado!

 

Nuno Espinal

 

IMG_1608.JPG

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Junho 2016
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

16
17

19
20
22
23
25

27
28


pesquisar neste blog