publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 28 Outubro , 2013, 22:28

 

Quem na Igreja do Convento pretenda dirigir-se ao “coro” percebe que a escadaria que lhe dá acesso está construída num buraco escavado numa das paredes laterais do templo. Mas vamos à sua história:

 

Inicialmente, e foi sempre assim no tempo dos frades, o único acesso ao "coro" era feito por uma porta de serventia com o edifício conventual, ou seja, a Igreja não tinha qualquer ligação direta ao "coro".

Quando o edifício e a Igreja passaram a ter proprietários diferentes (a Igreja na posse da Santa Casa de Misericórdia e o edifício residencial propriedade de privados) gerou-se, cerca de 1883, entrepartes, um conflito, resultante do não cumprimento de um acordo firmado.

Com efeito, o proprietário do edifício residencial, Dr. Alexandre de Cupertino, entre outros desrespeitos de cláusulas de um acordo a que seu pai, Conselheiro José Cupertino, entretanto já falecido, tinha acedido, criou dificuldades ao livre-trânsito para o “coro” a eclesiásticos, músicos e membros da Mesa da Santa Casa, contrariando, assim, o que estava acordado.

A situação criada levou a que a Mesa da Misericórdia, para acabar de vez com o problema, resolvesse construir uma escadaria que permitisse o acesso direto entre Igreja e Coro. E assim foi feito. A escadaria lá está, escavada numa das largas paredes laterais do templo.

 

Nuno Espinal

Foto: Silvino Lopes

 


comentários recentes
Mais um homem bom que nos deixa. Há tempo que não ...
A perda de um amigo e a amigo da minha família, de...
Publiquei um comentário sobre o meu tio Zé, não ch...
Tio Zé Torda , descanse em paz e que DEUS o pon...
Tio Zé Torda, descanse em paz e que Deus o ponh...
Caro Dr. NunoFoi sem dúvida uma tarde e uma noite...
Sinceros sentimentos pelo falecimento do Tó Man...
Não foi de Covid
DISTÂNCIA/SEPARATISMO DOS PARASITAS-HORRORIZADOS c...
Foi de Covid-19?
Outubro 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

15

24
25

30


pesquisar neste blog