publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 06 Abril , 2011, 17:21

 

Calor excessivo, tanto mais que ainda estamos em Abril. Cá de cima, da vila, não somos indiferentes ao Alva, que lá ao fundo nos alicia a um refrescante mergulho. E vem-nos à tona a tão badalada, esperada e desejada, para alguns, Praia Fluvial. Os anos passam e que é dela a famigerada Praia?

Mas acabamos por concordar com a Presidente da Junta. Praia Fluvial? Para quê e para quem?  

De facto de que vale investir numa estrutura a que faltará desde logo uma das condições prioritárias que justifique o investimento, ou seja, água de qualidade e de confiança? A mini hídrica é um dos empecilhos a uma reversão do Alva aos seus tempos de verdade. Porque o Alva de hoje é uma falsidade, já que renega os seus tempos transparentes de outrora. Culpas? O homem e a sua entrega a proveitos particulares e egoístas.  

Fica-nos esta foto, de há uns setenta anos, como retrato de um tempo em que a água do Alva se podia beber.

 

E como diz alguém, convenhamos que com um radical exagero, "hoje do Alva já não há retratos, há retretes!"

 

Nuno Espinal

(foto de família, tirada no Salgueiral)


De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




comentários recentes
Muito bem! Gostei. Contudo falta referir muitos pe...
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
Abril 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

16


25


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds