publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 29 Junho , 2010, 08:45

 

Num sonho d'Iris, morto a ouro e brasa,
Vem-me lembranças doutro Tempo azul
Que me oscilava entre véus de tule -
Um tempo esguio e leve, um tempo-Asa.

Então os meus sentidos eram cores,
Nasciam num jardim as minhas ansias,
Havia na minh'alma Outras distancias -
Distancias que o segui-las era flores...

/…/


Mário de Sá-Carneiro, in 'Indícios de Oiro'


José Filipe a 30 de Junho de 2010 às 00:39
Olá a todos.
Tenho vindo a seguir este blog, a qual acho ser bastante interessante, e bem elaborado, é sempre bom saber o que se vai passando nesta bonita terra, apesar de estar longe, os meus parabéns a todos aqueles que têm contribuido para que ele chegue a nós, e obrigado por partilharem, toda a informação e as belas fotografias.
Vou continuar a seguir, é um prazer renovado passar por aqui, é como que estar mais perto desta bonita régião.
Por agora despeço-me com amizade, tudo de bom, até breve.
Com os meus cumprimentos.
Um abraço.

José Filipe

comentários recentes
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Só para salientar o segundo golo do COJA é perfeit...
No Facebook está o vídeo do segundo golo caso algu...
Parabéns à Clarinha. Também tenho uma neta, que se...
Junho 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9





pesquisar neste blog