publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 24 Novembro , 2009, 07:48

A “ALERTA”, associação ambiental com sede em Vila Cova de Alva, nasceu da vontade e devoção de cidadãs holandesas e tem-se consolidado através de acções em que se têm empenhado alguns dos seus associados, em especial os seus principais dirigentes.

A sua denominação remete-nos, sem margem para dúvidas, para o seu objecto, ou seja a defesa e valorização do ambiente e do património, tanto o natural como o construído e a conservação da natureza.

 Ainda que a sua área de acção não fixe quaisquer fronteiras, percebe-se que a sua especial incidência espacial cobre, primordialmente, os concelhos de Arganil, Seia, Oliveira do Hospital e Tábua.

Sendo de criação recente, a “Alerta” ainda não se afirmou com o impacto desejável na nossa região, apesar dos esforços e actividades dos seus responsáveis. É essa afirmação que estará, porventura, nos planos de actuais candidatos aos órgãos sociais da “ALERTA”, candidatos esses que se irão submeter a sufrágio no próximo dia 28, conforme convocatória que recebemos daquela Associação e que passamos a divulgar:

Assembleia Geral

No próximo dia 28 de Novembro de 2009, pelas 10.00 h, na Casa do Povo de Coja, ir-se-á realizar a Assembleia-Geral desta Associação, tendo como ponto único da Ordem de Trabalhos a Eleição dos Órgãos Sociais da Associação, para o biénio 2009/2011.

Nos termos do ponto 2, do artigo 22º do Regulamento Geral Interno, se à hora marcada para o inicio da sessão não estiverem presentes pelo menos metade dos Associados, a Assembleia funcionará validamente uma hora depois com qualquer número de presenças.

Só poderão participar na Assembleia-Geral os sócios com as quotas em dia. As candidaturas deverão ser remetidas à Direcção, em envelope fechado, até ao máximo de dez dias antes da Assembleia Geral.

Espera-se grande afluência à Assembleia para que a "Alerta" continue empenhada na defesa do nosso Planeta.

 


VCA a 24 de Novembro de 2009 às 09:17
Onde se lê : "não se afirmou com o impacto desejável" deveria ler-se "não se afirmou COMO UM TACHO desejável" se assim fosse certamente que haveria muitos interessados...

comentários recentes
Mais um homem bom que nos deixa. Há tempo que não ...
A perda de um amigo e a amigo da minha família, de...
Publiquei um comentário sobre o meu tio Zé, não ch...
Tio Zé Torda , descanse em paz e que DEUS o pon...
Tio Zé Torda, descanse em paz e que Deus o ponh...
Caro Dr. NunoFoi sem dúvida uma tarde e uma noite...
Sinceros sentimentos pelo falecimento do Tó Man...
Não foi de Covid
DISTÂNCIA/SEPARATISMO DOS PARASITAS-HORRORIZADOS c...
Foi de Covid-19?
Novembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9

18




pesquisar neste blog