publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 30 Abril , 2009, 01:06

Terminou para o Vilacovense a época do Campeonato do Inatel 2008/2009. E apesar da fase final, em que a equipa, algo inesperadamente, claudicou, o saldo que contabiliza a época é, mais do que positivo, no seu cômputo, brilhante.

O Vilacovense arrastou público, motivou adeptos, foi motivo de orgulho das gentes de Vila Cova e todo o apoio que concitou ao seu redor deve-o ao bom nível de exibições que mostrou em campo e aos bons resultados desportivos que foi acumulando na fase de apuramento do Campeonato.

O que falhou depois? Provavelmente um abaixamento de forma de alguns jogadores, parte deles fundamentais na performance táctica da equipa, arbitragens desfavoráveis e muita falta de sorte.

Mas, o que conta são os pontos obtidos e o Vilacovense, com as atenuantes referidas, ficou-se aquém do conseguido pelos adversários, não conseguindo, nesta fase, o apuramento que estava, com toda a lógica, nos seus objectivos.

Saúdem-se as duas equipas apuradas, o Paradela e o Vila do Mato, e desejem-se-lhes os maiores êxitos desportivos na fase do nacional que vão agora disputar, até porque estarão em representação do nosso distrito.

Uma palavra de simpatia para o Alqueidão. Passado que foi a disputa em que as equipas foram adversárias, é bom, em nome do mais são espírito desportivo, incentivar a cordialidade e fomentar sem reservas a amizade e o bom relacionamento.

Quanto ao Vilacovense, e em rescaldo de tudo o que se passou na época, há que manter o que de mais positivo se observou, e muito foi, e debelar alguns aspectos merecedores de alguma correcção. E que o espírito de equipa que os jogadores tiveram durante toda a época não se perca. Parabéns a todos.

 

Para que conste, fica em registo a constituição da equipa , no último jogo que disputou com o Paradela e que perdeu pela marca de 3 a 1.

Guarda-redes: Paulo Henriques;

Defesas: Kikas, António Cruz (capitão), David e Sérgio Gaspar (Fábio Leitão aos 50 minutos);

 Médios: Bruno Carvalho, Wilson, Marco Martins e Paulo Ribeiro;

Avançados: Marco Gonçalves (Bruno Santos aos 75 minutos) e Rui Mota Hugo Ferreira aos 60 minutos).

O golo do Vilacovense foi obtido, aos 60 minutos, por Bruno Carvalho.

 

Massagista: Fernando Figueiredo.

 

Directores presentes: Carlos Antunes, António Leal, Luís Manuel, Manuel Carlos,  António Cruz (jogador) Paulo Ribeiro (jogador) Fábio Leitão (jogador).

 

 

Nuno Espinal/Fábio Leitão

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Abril 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9

14

23



pesquisar neste blog