publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 27 Maio , 2008, 00:13

 

Nas duas fotos vê-se, ao fundo, o mesmo Passadiço, que veio a dar nome à Travessa que se inicia na Praça.
De resto, retire-se o Passadiço e tudo o mais foi alterado. Os prédios subiram e taparam a vista que enquadrava a própria Igreja Matriz. Sobra, em comum, não mais que o velho cedro.
Na foto dos dias de hoje o já habitual deserto de gente e um carro, como sinal bem expressivo dos dias que correm.
Na outra foto a casa, à direita, que com traça bem beirã, xisto e granito, escada exterior, alpendre, loja do gado, desapareceu sem deixar vestígio do que foi. Cabras e galo que quase coabitavam com gente, gente na imagem a ligar-se à posteridade. Quem foram, alguém sabe?
Apenas que foram Povo. Povo de ontem, de hoje e de sempre.   
 
 
 
Nuno Espinal
 

 


De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Maio 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9





pesquisar neste blog
 
subscrever feeds