publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 13 Abril , 2020, 05:15

sede 006-001.JPG

Reportar casos que mereçam ser notícia no Miradouro, neste período que atravessamos, é pouco provável que aconteça.

O movimento que se vê limita-se às viaturas da Santa Casa e da União de Freguesias.

Das pessoas, tirando os funcionários destas Instituições, apenas são visíveis na rua, os trabalhadores de construção civil de uma obra em casa junto à Fonte de Santa Teresa.

Mas há os habituais incautos, em número de uma meia dúzia, personagens que teimam em se juntar diariamente na Tílias.

Por mais raspanetes que levem, nada os demove.

Ou se julgam imunes ou entendem que a moléstia nada quer com Vila Cova.

Até quando irão permanecer nesta “Santa Ignorância”?

Provavelmente sempre, porque aquelas cabecinhas não abrem portas ao conhecimento, à informação e às regras.

A não ser que o mal lhes caia mesmo em cima, o que de todo, e com todo o fervor, não lhes desejamos.

Cruzes, canhoto! Vade retro satanás - diremos todos.

Mas…

 

Nuno Espinal


comentários recentes
Sinceros sentimentos pelo falecimento do Tó Man...
Não foi de Covid
DISTÂNCIA/SEPARATISMO DOS PARASITAS-HORRORIZADOS c...
Foi de Covid-19?
Caro Sr. Avelar: obrigado pelo seu comentário. Apr...
As nossas condolências para a família toda.Frenk e...
" Ser Poeta ė ser mais alto...(Florbela Espanca)Qu...
Caro Nuno: Gostei muito. Aliás não esperava outra ...
Demasiado jovem para partir.Que descanse em paz.
Sentidos pêsames a toda a família. Muita força e c...
Abril 2020
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
17
18

20
22
23
25

26
28
29
30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds