publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 30 Setembro , 2019, 14:14

20190929_121650.jpg

Realizou-se ontem a XII Edição do passeio “Seniores em Movimento”, promovido pelo Município de Arganil, que juntou utentes das IPSS(s) do concelho e a comunidade com mais de 65 anos, regra que este ano surgiu como novidade.

O passeio realizou-se para Mafra, local onde se pôde visitar a Basílica e o Convento, monumento classificado em 2019 como Património Mundial da Humanidade pela UNESCO. O dia seguiu-se com o almoço e lanche na Quinta O Teimoso em Torres Vedras, refeições que foram acompanhadas por um grupo de música que animou a tarde e permitiu, a alguns, dar uns passos de dança.

Da Santa Casa participaram 12 utentes, das respostas de Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário que demonstraram interesse em ir e com melhor mobilidade.

Apesar de se tornar um dia longo que exigiu algumas horas de viagem, o que se pode tornar um pouco cansativo para a população sénior, o passeio foi do agrado de todos os utentes envolvidos, sendo o feedback positivo,  “estava tudo bom”, “correu tudo bem”, e sendo sua vontade que o Município dê continuidade  a esta  iniciativa.

 

Mónica Ferreira

20190929_121228.jpg

20190929_121443.jpg

20190929_121940.jpg

20190929_145649.jpg

20190929_145658.jpg

20190929_164445.jpg

 

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 28 Setembro , 2019, 14:55

IMG_2944.jpg

É com profundo pesar que comunicamos o falecimento da Sra. D. Maria de Lurdes Ramos da Silva, de 81 anos de idade, viúva do Sr. Hilário Fernandes. 

O corpo está em velório na Casa Mortuária de Vila Cova de Alva, estando previsto o funeral, em direção à Igreja Matriz, amanhã, domingo, pelas 16h 30m.

Após a realização das exéquias fúnebres, os restos mortais da Sra. Dª Lurdes Ramos da Silva, a partir das 17horas, seguirão em cotejo fúnebre para o cemitério local. 

Apresentamos à família as nossas mais sentidas condolências.

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sexta-feira, 27 Setembro , 2019, 23:46

20190926_102736.jpg

O Município de Arganil irá dinamizar várias atividades direcionadas à sua população sénior entre o dia 21 de setembro e 31 de outubro de 2019, mês que integra a comemoração do Dia Internacional das Pessoas Idosas e do Dia Mundial da Terceira Idade”,  

Segundo o Vereador da Ação Social, Eng. Luís Almeida irão ser realizadas  várias atividades durante este mês, das quais se destacam uma sessão de cinema em cada Instituição, uma atividade de leitura dinamizada pela Biblioteca, o passeio “Seniores em Movimento” e  um “Chá Dançante”.

Integrado nessas atividades,  foi dinamizado  hoje, na Biblioteca Alberto Martins de Carvalho, em Coja, um Workshop Informativo sobre o Envelhecimento Ativo: “ SOS Consumidor”,  promovido pela DECO{IN}FORMA e pelo Município de Arganil, no âmbito do Protocolo existente entre o Município e a DECO,  onde esteve presente a Santa Casa da Misericórdia de Vila Cova de Alva com alguns utentes de Centro de Dia, bem como o Centro Social Paroquial de Coja.

Este workshop pretendeu alertar e informar os seniores sobre os perigos existentes na aquisição de produtos e serviços que desconhecem, bem como informar dos seus direitos enquanto consumidores.

Mónica Ferreira


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sexta-feira, 27 Setembro , 2019, 22:48

grupo desportivo[12251]-001.jpg

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 26 Setembro , 2019, 01:24

índice (1).jpg

O processo acelerado e constante de transformações tecnológicas que a humanidade de hoje vivencia levam-nos quase a caricaturar o pasmo que nos anos vinte, um simples aeroplano, provocava nos pacatos cidadãos da nossa Beira.

Mas, foi precisamente isso que aconteceu quando os céus da nossa Vila Cova e de povoações vizinhas foram palco de um acontecimento que deixou atónitas as gentes daquele tempo. Os jornais falaram disso e a Comarca de Arganil de 20 de agosto de 1925 trazia um título que dizia: “UM AEROPLANO voa sobre esta região”.

A notícia traz então apontamentos dos correspondentes de várias localidades, entre eles o de Vila Cova, que refere: “Foi hoje, (dia 16) cerca das 5 horas da tarde, visto aqui um aeroplano a grande altura. Dirigia-se para Seia e despertou a curiosidade de muita gente./…/”

Outros apontamentos são referidos e as localidades citadas que testemunharam o acontecimento são Cadafaz, Fajão, Cavaleiros (Fajão), Carvoeiro (Pecegueiro), Pardieiros, Porto da Balsa, S. Gião, e Piódão. Em todos é salientado o grande entusiasmo e admiração das populações, quase todas surpreendidas já que tinham presenciado o fenómeno pela primeira vez.

E se os testemunhos em quase tudo condizem são, contudo, discrepantes nos tempos de passagem do “aparelho voador”.

Contas feitas, um caso há em que o aeroplano ultrapassaria mesmo a velocidade da luz. Erro jornalístico, na marcação das horas? Claro que sim. Mas, para tais desfasamentos há explicação incontestada.

Hoje, um qualquer relógio vendido em feiras, dos “made in china”, marca horas com rigor bem matemático. Naqueles tempos os relógios a dar horas, no então “Portugal Rural”, eram os das torres das igrejas. Relógios mecânicos, os seus acertos tinham referência no relógio de bolso do Prior. E o Prior, mais preocupado com o rigor das almas, nem sempre dedicava a sua atenção para a precisão que estava universalmente aceite no Big Ben londrino. É que nem sequer, até, teria meios para tal. Daí que, por vezes, as horas saídas das torres de igreja de Vila Cova se diferenciassem de outras de localidades, localidades muitas vezes até vizinhas.

De resto, o principal relógio nesses tempos era o Sol. Nascia o Sol, começava o trabalho, punha-se o Sol terminava o trabalho. E nesta cadência, neste ramerrão lá ia decorrendo a vida. Vida sobressaltada, por vezes, pelo inesperado de um ou outro acontecimento, como o da passagem no céu, naquela tarde de 16 de agosto de 1925, de um aeroplano…

 

Nuno Espinal

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 23 Setembro , 2019, 01:24

19939284_7nA0H.jpeg

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sexta-feira, 20 Setembro , 2019, 07:29

IMG_7172.JPG

Sem dúvida que o forno a lenha abriu novas oportunidades aos “Produtos da Santa”.

É assim que o fabrico de pão e de bôlas de carne e peixe tem merecido a aprovação da população não só de Vila Cova como de localidades vizinhas.

Os bolos grossos são um outro produto que está a ter muita saída, estando também previsto, o que deverá acontecer em breve, o fabrico de sequilhos.

E se a Santa Casa tem recebido fartos elogios, a maior parte dos encómios que nos chegam devem ser endereçados às trabalhadoras do Centro pela sua dedicação e propósito em prestar os melhores serviços com que devotam os utentes da Instituição e as populações das localidades da nossa União de Freguesias.

 

Nuno Espinal


publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 16 Setembro , 2019, 11:26

O facto mais notório saído da Assembleia Geral, realizada sábado, do Grupo Desportivo Vilacovense, é este: durante a próxima época, ou seja, a época 19/20, a equipa de futebol do Vilacovense não participará no campeonato do INATEL

O não arregimento de jogadores e a ausência de inscrição no prazo disponível, devido a uma crise diretiva que foi nesta última Assembleia ultrapassada, explicam a ausência participativa da nossa equipa de futebol de onze.

Na Direção eleita constam praticamente os mesmos nomes da Direção anterior, com José Raimundo a continuar na liderança.

Uma das imposições da Direção agora eleita é esta: que os sócios paguem quotas em atraso até final de novembro, caso contrário serão expulsos do seu vínculo ao clube.

Entretanto, durante estes meses de paragem da equipa de futebol, a Direção aproveitará para fazer melhorias no campo João de Abranches Figueiredo.

 

Nuno Espinal

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sexta-feira, 13 Setembro , 2019, 04:20

KeatonPorkpie.jpg

Os Vilacovenses vão usufruir de uma noite de cinema, no próximo sábado, no Adro, integrada numa iniciativa do INATEL, denominada “CINEMA AO LUAR”, com o apoio da União de Freguesias de Vila Cova e Anceriz.

Trata-se de filmes extraídos do cinema mudo e que têm como principal protagonista o célebre ator Buster Keaton, que foi um génio marcante nesta arte.

O cinema mudo, como é óbvio, não integrava trilha sonora diretamente retirada dos sons reais passados em cena, o que o conduziu a valorizar a arte gestual, com incidência na gestualidade corporal e facial.

Esta forma de representação, levou a algum exagero nas expressões gestuais, o que conduziu a que a que as comédias prevalecessem, em percentagem muito alta, sobre os dramas.

Foi na comédia que Buster Keaton se celebrizou, com a particularidade de nas suas representações jamais sorrir, detalhe que influiu grandemente na sua popularidade.

Mas, este pormenor em nada diminui o seu alto talento como ator, equivalendo-se a outros génios, como Charlie Chaplin.

Importa referir que o cinema mudo era acompanhado, nos salões onde se exibia, por músicos, quase sempre um pianista, que observavam as cenas do filme e as revestiam de tonalidades musicais, conforme a interpretação que faziam das imagens.

Ora, no Adro, para o acompanhamento musical dos filmes, estará presente o prestigiado músico Gonçalo Parreirão, de Coimbra, que contará com a comparência de outros músicos da cidade e ainda de filarmónicos da nossa “Flor do Alva” e de Bandas de localidades vizinhas. 

Um acontecimento a não perder, sábado, no Adro, a partir das nove e meia da noite.

 

Nuno Espinal


publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 12 Setembro , 2019, 09:29

O Grupo Desportivo Vilacovense tem agendado para o próximo sábado, dia 14, às 21 horas, uma Assembleia Geral, que se reveste de grande importância, por, nomeadamente, estar em causa a continuidade da equipa de futebol nos campeonatos do Inatel.

Ainda questão a ser abordada nesta Assembleia respeita aos atrasos ocorridos nos pagamentos de quotas da totalidade dos associados, em atraso pelo menos dois a rês anos.

Recorde-se que em dezembro serão marcadas eleições para os Órgãos Sociais da Instituição.

 

Nuno Espinal


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Setembro 2019
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
14

15
17
18
19
21

22
24
25

29


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds