publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 08 Março , 2018, 20:58

IMG_4007-001.JPG

 

Todos temos na lembrança – e quem esteve em Vila Cova, por maioria de razão – a tragédia que foi o incêndio de 15 de Outubro.

Escrevo hoje, não para relembrar aquilo que ninguém esquece, mas para me debruçar sobre dois problemas, que são dele consequência e que poderão afectar gravemente não só Vila Cova mas pessoas individualmente consideradas, com danos irreparáveis.

O primeiro diz respeito à fragilidade em que Vila Cova se encontra devido ao desaparecimento da mancha florestal que a rodeava, embelezava e protegia, amparando as suas encostas das águas pluviais.

É sabido que as tendências climáticas apontam para precipitações elevadas e intensas em curto espaço de tempo, o que gera correntes de lama que arrastam tudo no seu caminho, destruindo tudo à sua frente, como a televisão frequentemente nos mostra, tanto no país como noutras partes do mundo.

A derrocada recente na casa de meus tios – e não é por isso que escrevo – evidencia já esse risco.

Mostra-se, por isso, adequado e urgente que a Junta de Freguesia, em articulação com a Câmara Municipal de Arganil e a Protecção Civil, elenquem os pontos críticos por onde a Vila possa ser atacada por águas torrenciais e tomem, atempadamente, medidas adequadas de prevenção e encaminhamento.

O segundo diz respeito às tílias, relativamente ao qual sinto o dever acrescido de vir a terreiro chamar a atenção.

É que, aquando da intervenção em Vila Cova no âmbito do programa das Aldeias de Xisto, tive a percepção de que as tílias poderiam ser afectadas. Vim, então, a público, com violência, de resto, desusada, em defesa desse património tão rico quanto querido.

Pois bem, passado o incêndio, a sua voracidade não poupou as tílias, deixando-as ardidas por dentro, como o Mário me mostrou. Poderão representar agora um perigo para as pessoas e para o próprio trânsito.

É urgente uma intervenção de consolidação, escoramento, reforço das cintas que já seguram as suas ramificações mais fortes, no limite, com grande tristeza, o seu abate e substituição por árvores novas.

Nada é eterno. É a vida.

Como se viu, as tragédias não têm dia nem hora marcadas.

Acontecem, simplesmente.

 

José Oliveira Alves


publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 08 Março , 2018, 00:31

União-de-Freguesias-de-Vila-Cova-de-Alva-e-Anceri

 

União de Freguesias de Vila Cova de Alva e Anceriz

3305-285 Vila Cova de Alva

Telef.: 235 729030 

E-mail: uniaofreguesiasvcaa@hotmail.com

 

 

INFORMAÇÃO

 

DECLARAÇÃO DE RENDIMENTOS

( IRS )

 

 

O Executivo da União de Freguesias, informa que estará disponível para levar a efeito o preenchimento da declaração de rendimentos (IRS) de todos os residentes na Freguesia com idade a partir dos 65 anos e pensionistas.

Lembra-se que a data para a entrega da referida declaração nas finanças será a partir do dia 01 de Abril a 31 de Maio de 2018.

Para o referido preenchimento na Sede da União de Freguesias são necessários os seguintes documentos:

 

- Cartão de Cidadão

- Número de Contribuinte

- Senha das Finanças (Será enviada pelas Finanças para a residência)

- Respectivas facturas de despesa.

 

 

Vila Cova de Alva, 07 de Março 2018

 

 

 

                                                                   O Presidente da União de Freguesias

 

                                                                

                                                                       (Paulo Jorge Marques Amaral)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

União de Freguesias de Vila Cova de Alva e Anceriz

3305-285 Vila Cova de Alva

Telef.: 235 729030 

E-mail: uniaofreguesiasvcaa@hotmail.com

 

 

INFORMAÇÃO

 

DECLARAÇÃO DE RENDIMENTOS

( IRS )

 

 

O Executivo da União de Freguesias, informa que estará disponível para levar a efeito o preenchimento da declaração de rendimentos (IRS) de todos os residentes na Freguesia com idade a partir dos 65 anos e pensionistas.

Lembra-se que a data para a entrega da referida declaração nas finanças será a partir do dia 01 de Abril a 31 de Maio de 2018.

Para o referido preenchimento na Sede da União de Freguesias são necessários os seguintes documentos:

 

- Cartão de Cidadão

- Número de Contribuinte

- Senha das Finanças (Será enviada pelas Finanças para a residência)

- Respectivas facturas de despesa.

 

 

Vila Cova de Alva, 07 de Março 2018

 

 

 

                                                                   O Presidente da União de Freguesias

 

                                                                  ______________________________

                                                                       (Paulo Jorge Marques Amaral)

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Março 2018
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

14

20
22
24

26
30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds