publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 06 Dezembro , 2015, 18:25

Perder custa, mas custa mais não perder,ou não empatar ou não ganhar. Porquê? Porque quem nunca empata, ou nunca perde, ou nunca ganha é porque não existe. O Vilacovense existe.


publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 06 Dezembro , 2015, 08:11

IMG_0548 (2).JPG

 

Conversas soltas, entremetidas de gracejos e risadas, um prato de sabores e elogios e um tinto de boa casta, marcaram uma noite de convívio, de quase quatro horas de grande animação.

Foi o grupo da “Malta” de Coimbra que se encontrou, uma vez mais, em franca confraternização, desta vez a pretexto da quadra natalícia que decorre.

A compor o grupo, outros da “Malta”, vindos de outras paragens, a darem um reconhecido cunho de qualidade e afetos a este encontro.

Afetos bem ressaídos nas palavras que Adelaide Brassard, ainda que ausente, não se dispensou de enviar, conforme mensagem com Coimbra como destino.

À Malta de Coimbra:

/…/ Vivendo na bela e longínqua vila de Cascais, não fazendo por esse facto parte de nenhum dos grupos da “Malta”, sinto-me, no entanto, tanto sentimental com afetivamente, mais próxima do vosso grupo. /…/

Querida Adelaide: um grande obrigado e um beijinho de todos nós para ti. Claro que fazes parte do Grupo de Coimbra. Tu e qualquer um dos da “Malta” que a nós se chegue. Como, disso estou certo, fazes parte de um qualquer outro grupo da Malta, onde quer que ele se forme. Em boa verdade nós, os da “Malta”, somos de um só grupo. As distâncias é que nos levam a estas ocasionais organizações de subgrupos. Nada mais do que isso. Por isso querida Adelaide, convido-te, e sei que o não recusas, a enviar comigo, connosco, abraços de muitos afetos a todos os que em Lisboa, dos da “Malta”, se vão encontrar dia 12. E já agora, para todos os da Malta, estejam onde estiverem, um abraço amigo, com sinceros abraços de Festas Felizes.

Viva a Malta.

 

Nuno Espinal


publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 03 Dezembro , 2015, 19:20

20151129_151547.jpg

 

A pausa de domingo, do campeonato do Inatel, foi aproveitada pelo Vilacovense para realizar um jogo amigável com a equipa de São Martinho, jogo que se realizou em São Pedro de Alva, em campo de relvado sintético. As características do relvado proporcionaram que, com a circulação mais rápida da bola, o jogo fosse movimentado e de bom nível, apesar do resultado final se ter fixado num empate a zero golos.

Ausentes vários jogadores, uns por lesão, casos de Fábio Leitão e do guarda redes titular Luís Tavares, e outros por compromissos já assumidos. Sem guarda redes disponíveis, o Vilacovense recorreu ao titular do São Gião, Paulo Henriques, natural de Pomares e que já defendeu, em épocas anteriores, as nossas cores. Um obrigado pela sua colaboração.

A constituição da equipa foi a seguinte:

 

Guarda Redes: Paulo Henriques;

Defesas: Jorge Raimundo, Luís Carlos (Capitão), Mário Reis e Pedro Fonseca;

Médios: Bruno Lopes, Ricardo Gabriel, David Coelho e Abdul; Tiago;

Avançado: Victor.

 

Suplentes- Miguel, Manças e Hugo, os quais integraram a equipa após o intervalo.

 

Treinado: Bruno Alexandre Santos.

 

Massagista: Fernando Figueiredo

 

Diretores Presentes: José Raimundo e José Santos.

 

Nuno Espinal/Bruno Santos


publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 02 Dezembro , 2015, 09:07

18664735_0JzH6.jpeg

 Cerca de vinte presenças previstas para o Grupo de Coimbra no Natal deste ano

 

Os da “Malta”, dispersos por vários pontos do país, têm as suas principais concentrações em Lisboa e Coimbra. É precisamente nestas cidades que têm marcados encontros integrados no espírito do período de Natal que agora decorre.

É assim que os de Coimbra se vão juntar num jantar, em restaurante da cidade, no próximo dia 4, somando, aos que vivem na capital do Centro, amigos vindos de Santarém, Porto e localidades dos arredores da capital do País.

Quanto aos de Lisboa têm almoço agendado para o dia 12.

Boas Festas para todos.


publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 01 Dezembro , 2015, 01:29

18255461_8wfHv.jpeg

 

SAM_0509.JPG

Estamos a entrar em período de festas que, à boa maneira portuguesa, tem associado a gastronomia. E uma gastronomia que não dispensa a doçaria, com um leque diversificado de iguarias. Pois bem. Os “produtos da santa”, atentos à época do ano, não vão deixar de aproveitar a oportunidade de porem à disposição dos vilacovenses e demais amigos do concelho algumas das suas produções já conhecidas, para além de outras que serão novidade, até porque pouco se veem no mercado, e muito menos se veem se considerarmos que a sua composição é caracterizada pelas regras da cozinha caseira portuguesa. Daí que os nossos produtos sejam confecionados sem aditivos, ou seja, sem corantes nem conservantes.

E pronto: aqui fica o rol dos nossos produtos de Natal e Ano Novo e o respetivo preçário:

Compotas, a 2,40 euros a unidade, de kiwi, maçã canela, abóbora, tomate, pera, maçã e cenoura.

Bolos “podre” e “laranja” de quilo e meio quilo a 6 euros e 3 euros respetivamente.

Ora então, cá fica a sugestão: adquiram “produtos da santa” com a garantia da aquisição de produtos de excelente qualidade e sabor.

As encomendas podem ser pedidas através dos telefones 235729505 ou 967876257 ou pelo endereço eletrónico: produtosdasanta_scm@sapo.pt


comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Dezembro 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

14
18

21
23
25

27
28


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds