publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 04 Agosto , 2015, 07:33

093.JPG

 

Cinquenta e mais anos passados e ainda são os da “Malta” que dão um toque veraneante nos agostos de Vila Cova, em cada ano que passa. Mas com diferenças que são marcas de tantos anos passados: os cabelos brancos, realçados pelo prateado destas últimas noites de luar.

As noites são o momento eleito dos encontros, que têm o seu auge no miradouro batizado de “escuro”.

Sim, “the dark”, diz um em motejo, sugestionando a cosmopolização do lugar.

E em enredo de conversas e gracejos vão-se passando as noites.

Será assim até ao fim do mês, com partidas de uns e chegadas de outros.

Depois, setembro dentro, e o “escuro” voltará ao sossego de todo o ano.

Mas, o deslumbre da paisagem permanecerá, seja dia, seja noite, abençoando os olhos dos que dela se privilegiam.

 

Nuno Espinal

096.JPG

Veteranos da "Malta"

 

095.JPG

"Quase meia-noite? Na companhia da Malta o tempo voa!"

 

 

087.JPG

 

 

 


comentários recentes
Publiquei um comentário sobre o meu tio Zé, não ch...
Tio Zé Torda , descanse em paz e que DEUS o pon...
Tio Zé Torda, descanse em paz e que Deus o ponh...
Caro Dr. NunoFoi sem dúvida uma tarde e uma noite...
Sinceros sentimentos pelo falecimento do Tó Man...
Não foi de Covid
DISTÂNCIA/SEPARATISMO DOS PARASITAS-HORRORIZADOS c...
Foi de Covid-19?
Caro Sr. Avelar: obrigado pelo seu comentário. Apr...
As nossas condolências para a família toda.Frenk e...
Agosto 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
14
15

17
18
21

25
26
28

30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds