publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 02 Abril , 2015, 23:06

005.JPG

 

Dava eu loas ao Sol, nestes dias em que o calor se mostrou, quando alguém me remeteu à realidade.

-Rezemos é p’ra que chova. No Inverno só caíram uns borrifos. Está tudo a ficar seco…

Concordei. E senti até algum conforto. A cantilena, a da pouca chuva, fez-me recuar a tempos antigos, de costumeiros rogos à natureza e anseios ao que da terra brotava.

Mas, não muito tempo depois, cá do cimo, do miradouro da portela, lá tornei a bendizer o sol…

Não resisti. E quem consegue resistir?

-Que paisagem, que brilho, que cor…

 

Nuno Espinal


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Abril 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9

13
14
18

20
21
24

27
29


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds