publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 08 Maio , 2013, 22:11

 

Extasia-me este pulsar da montanha. E lá me disponho às caminhadas, vagueando por trilhos, num caminhar submisso à liberdade do mero caminhar.

Arribo à “santiosa” e por aí acima, umas passadas mais, eis lá ao fundo, à esquerda, a aldeia de Anceriz, recém irmanada recentemente à freguesia de Vila Cova.

Contemplo-a e sou puxado ao raciocínio: Vila Cova, Anceriz, Vinhó e Casal de S. João. Já se fala nas autárquicas. Não tarda que surjam os promissórios discursos.

E quase me apetece dizer como Torga: “Devo à paisagem as poucas alegrias que tive no mundo. Os homens só me deram tristezas.”

Mas, não o digo. Não o posso dizer. Não sou poeta. Falta-me essa ventura.

 

Nuno Espinal

 


comentários recentes
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Só para salientar o segundo golo do COJA é perfeit...
No Facebook está o vídeo do segundo golo caso algu...
Parabéns à Clarinha. Também tenho uma neta, que se...
Maio 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

13
15

21

27


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds