publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 18 Março , 2012, 22:20

Esta coisa das marcas está na moda. E pegou rijo com o nome de instituições e de pessoas. Pois é! Até o nome de cada um de nós pode ser uma marca. Umas marcas com mais, outras com menos e outras com quase nenhum protagonismo, que é como quem diz “meritocracia” no currículo. Por isso não admira que nomes mediáticos sejam considerados como potenciadores de marcas reconhecidas. Foi por isso que aqui há uns anos apareceu a marca “Benfica” no vinho. E até a marca “Porto” fazendo honras ao universo futebolês. Diga-se, contudo, que foram marcas de duas grandes zurrapas. O que para mim até é coerente. Vinho de má qualidade em sintonia com a qualidade besta de grande parte daquela massa desordeira e arruaceira das claques destes dois. Aparto amigos, e que são muitos, adeptos dos ditos que me merecem consideração e respeito.

Até aqui tudo bem. Mas vinho com a marca “Salazar” em homenagem ao defunto ditador é coisa que não lembra ao diabo. Porque aqui a alternativa é só uma. Em homenagem às virtudes, ainda que avessas, do personagem o vinho terá de ter qualidade. Ou melhor. O veneno terá de ter qualidade. Porque é a veneno que me vai saber. Dele não beberei. Nunca!

 

Nuno Espinal


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Março 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

17

23



pesquisar neste blog
 
subscrever feeds