publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 02 Fevereiro , 2012, 13:07

Vila Cova do Alva perde um artista na arte da cestaria. Cidadão pacato, reservado, o Sr. Zé (não sei tratá-lo de outra maneira) faz parte das minhas memórias de Vila Cova. No meu tempo da 3ª e 4ª classe, que frequentei nessa escola primária, comtemplei, por larguíssimas horas, a sua arte de criação na oficina que tinha na subida para o Calvário, frente ao quintal da Tia Júlia. Das suas mãos saíam as finas lâminas de carvalho que depois entrelaçava dando lugar às equilibradas cestas que, então, tinham grande utilização nas lides diárias dos Vilacovenses e demais gente dos arredores. Vila Cova vai perdendo, numa voragem assustadora, as suas referências. Eis a marcha implacável do Tempo a deixar marcas que dificilmente serão recuperadas.
Um abraço de solidariedade à Lena e restante família.
Até sempre Sr. Zé.


Quim Espiñal


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Fevereiro 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

18

23



pesquisar neste blog
 
subscrever feeds