publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 26 Setembro , 2011, 17:52

 

Apesar dos resquícios de um Verão que teima em contrariar o calendário, a verdade é que o Outono é já um facto formal. E a Natureza, pese embora a visível resistência destes últimos dias de Setembro, já dá sinais da esteira outonal.

 

As folhas secas atapetam, aqui e ali, espaços que estalejam passadas de um andar.

 

São sons de cada ano e eis-me rendido a tudo de tanto o que a Natureza me preenche.

 

E pergunto-me: Crente, agnóstico…? Que importa! Endeuso a Natureza e é só esta, neste sublimes momentos, a minha única metafísica resposta.

 

 

 

Nuno Espinal

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Setembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9

16

18
21
24

30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds