publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 18 Junho , 2011, 12:35

 

Pôr de sol? É-me indiferente, é algo muito visto… coisa a que já não ligo! Tudo o que é repetido perde a graça” – dizia alguém.

E eu absorto, fixo no pôr de sol, extasiado até…

 

Dias depois, em grupo, com um “cozido à portuguesa”. Lá estava o desdenhante do pôr de sol, que sorvia o cozido com um prazer tal que a ninguém era indiferente. E na refrega exteriorizava a lambarice:

“Gosto mesmo deste prato! E não tenho a mínima dúvida que o apreciaria na mesma, ainda que mo repetissem ao almoço e ao jantar, todos os dias…”

 

Nuno Espinal


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Junho 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

17


29


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds