publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 04 Maio , 2011, 17:12

 

A Santa Casa vai promover dois cursos de formação básica, um de três e outro de dois meses, aberto a todos os indivíduos incluídos em idades desde os 16 anos até aos 65 anos, com a condição de não serem nem reformados, nem estarem em situação de emprego.

Os formandos terão direito a uma bolsa de formação que integra um subsídio mensal de 209,61 euros, um subsídio de refeição 4,27 euros e um subsídio de deslocação de valor máximo de 41,99 euros.

Os cursos serão ministrados nas instalações da Santa Casa, entidade que receberá na sua Secretaria as respectivas inscrições.

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 03 Maio , 2011, 23:06

 

Aproxima-se o dia do “encontro da malta de 60 e 70”. Ligados como estamos a recordações, é óbvio que a música provoca em todos nós um reviver e desfilar de imagens que foram marcantes na nossa adolescência. Os Beatles têm um especial impacto, sendo os “number one” dos que pertenceram à geração jovem de “60”, ainda que composições do grupo tenham marcado também os da geração de “70”. E mesmo à distância de mais de quarenta anos, ainda hoje se ouve com emoção o famosíssimo “Hey Jude (1968) composto por Paul McCartney e nesta versão (recente) interpretado ainda por Elton John e Sting.

Hey, Jude, don't make it bad…

Começamos com uma música dos Beatles mas até ao “encontro” outras se seguirão na “play list” do Miradouro. Enviem sugestões.

Abraço a todos, Nuno Espinal

 

Na foto os «Vila Cova´s Beatles» numa inesquecível actuação no Royal Paroquial Hall


publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 03 Maio , 2011, 18:40

 

Ainda há quem resista e diga sim à tradição. E por isso, fazendo jus ao dia de Santa Cruz, dois dos fontanários da nossa vetusta Vila Cova surgiram ornamentados de ramos, folhas e flores, colorindo o presente e embandeirando a tradição, cada vez mais vulnerável à voragem dos nossos quotidianos tempos.

 

Nuno Espinal

Fotos: Manuela Antunes

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 03 Maio , 2011, 08:56

Mensagem do Maestro António Simões dirigida aos músicos da Flor do Alva:

 

Olá amigos, vou deixar aqui apenas algumas "dicas", ainda referente à última carta que o Sr. Artur vos leu:

Motivação dentro da Filarmónica

A motivação dentro da Filarmónica tem de ser um conceito central para a compreensão do comportamento humano. Sem motivação é difícil obter bons resultados, seja em que actividade for. Ela activa e dirige o comportamento. É o gosto, a paixão de fazer o que se faz até no tocar, por exemplo no bombo me motiva cada vez mais. Com este espírito realizam-se tarefas, mobilizados mais pelo prazer de fazer do que pela obrigação.

A motivação é sem dúvida o motor principal da evolução das organizações. Se os seus responsáveis conhecerem os factores que influenciam a motivação dos agentes intervenientes nas suas actividades, podem ficar na posse da chave fundamental para abrir o caminho ao sucesso dessas mesmas organizações.

Para isso têm de estar atentos pois avizinham-se tempos difíceis e cada vez mais, temos de procurar dar mais atenção aos nossos filarmónicos.

Quero deixar os meus Parabéns pelo comportamento que todos os elementos mostraram no domingo.

 

António Simões


publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 02 Maio , 2011, 19:41

 

A agenda da Flor do Alva já fervilha de compromissos para a temporada/2011. Este fim de semana atuou, sexta feira, à noite, na Cerdeira e Domingo viajou até Aldeia Nova (Guarda). No próximo Domingo os músicos da Flor do Alva vão estar em Vila Pouca da Beira, na “festa dos carolos", para depois, em 15 de Maio, atuarem na "caseiríssima festa  de Santa Cruz”, em consagração da Irmandade da Santa casa de Misericórdia, acompanhando a procissão, da parte da manhã e oferecendo aos vilacovenses o “concerto da primavera” na parte da tarde. Ainda em Vila Cova, a 29 de Maio, vão dar a sua participação, com um concerto, na “mostra dos sabores e lavores”.

Muitos mais concertos e atuações estão agendados durante os meses de verão, o que é uma evidência da qualidade da Flor do Alva, graças, em grande parte, ao empenhamento e saber (é sempre justo realçá-lo) do maestro António Simões.  

As fotografias que acompanham este apontamento foram registadas em Aldeia Nova, no último Domingo, e uma delas tem a particularidade e o inédito de exibir o maestro António Simões a tocar “bombo”, numa atitude expedita face à ausência do habitual titular daquele instrumento.

 

Nuno Espinal/Fábio Leitão

 

 

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 01 Maio , 2011, 16:18

 

Começa a definir-se o programa da “mostra de lavores e sabores”, ainda que sejam possíveis, até à elaboração final do programa, alguns ajustamentos. Certo para já é a atribuição do dia dos “coscoréis e bolos lêvedos”,  a 27 de Maio, do dia do “bucho”, a 28, e do dia do “Queijo”, a 29.

Entretanto, para além das actuações da Flor do Alva, com a sua Banda Filarmónica e o seu Coro Infantil, estão praticamente asseguradas as presenças do Grupo de Concertinas de Seia “Os Hermínios”, do Grupo de Cantares Tradicionais de Vila Pouca da Beira, do Rancho de Sobral Gordo, da Tuna de S. Martinho da Cortiça, do Rancho Folclórico de Casal de S. João, da Filarmónica de Arganil, da Tuna de Cantares de Coja e do Grupo de Fados da Loriga.


comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Maio 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13

15
21

24



pesquisar neste blog
 
subscrever feeds