publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 01 Fevereiro , 2010, 15:56

António Gabriel de Almeida (Toneca), Quim Espinal, Nuno Espinal e Jorge Augusto Dias

 

Preservo e sublimo memórias do passado, pelas paixão e conforto que me causam.

Não o escondo.

Mas, é um facto, e dele tenho perfeita consciência, que um acantonamento permanente no acervo de vivências de outros tempos gera um constrangimento ao necessário percurso que o futuro reclama.

Mas que fazer?

Encontrei-me com eles, companheiros de afectos, desses inesquecíveis tempos da Vila Cova dos anos sessenta.

Um desfilar de imagens e acontecimentos de nossas tão gratas recordações.

E será sempre assim.

Vila Cova, entre nós, será sempre o passado, seja neste presente ou em outro qualquer presente do futuro.

 

Nuno Espinal

 


comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Fevereiro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9

15

24
27



pesquisar neste blog
 
subscrever feeds