publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 02 Janeiro , 2010, 03:11

Uma bonita mocidade percorreu as ruas de Vila Cova e, com melodias alusivas às janeiras, foi recolhendo um “euróbico” pecúlio tão necessário a previstas despesas em instrumentos, para melhoria das sonoridades da nossa Flor do Alva.

Este grupo de jovens, com o maestro António Simões nele integrado, demorava-se uns minutos em locais estratégicos, como nas Tílias ou em casa do Sr. Emerciano, ou porque havia ajuntamento de povo ou porque era convidado a uns comes e bebes.

E assim se foi preenchendo esta tarde de janeiras em Vila Cova, que deu tréguas à persistente chuva dos últimos dias, ainda que com algum frio, a fazer apetecer uma apropriada fogueira, como a que fogueava mesmo em frente ao café do Sr. António Paiva, um já tradicional local de convívios e cavaqueiras. Com a chegada da noite dava-se a debandada e a recolha ao conforto caseiro, deixando ao abandono ruas e calçadas da terra.

Cumpria-se a celebração de mais uma tarde de janeiras. Pois então, que venha 2010. E com muita saúde para todos.

Ah! Que imperdoável seria o esquecimento! É que, logo ao início da tarde, quatro dos mais novos da Flor do Alva vieram ter comigo e cantaram-me as janeiras. Surpreendido perguntei-lhes o que queriam que lhes desse. Nada, respondeu-me de imediato um deles. Só queremos que nos ponha na Internet.

Está certo amigos. Trato cumprido.  

 

Nuno Espinal   

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Janeiro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
16

19




pesquisar neste blog
 
subscrever feeds