publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 21 Setembro , 2009, 12:57

 

Dentro do acontecimento que foi a comemoração dos 91 anos da Flor do Alva, um outro acontecimento ganhou relevo no Domingo: a presença, no almoço, dos três principais candidatos à Presidência da Câmara. Alvos de olhares e comentários, mais ou menos divertidos e jocosos, o Eng. Ricardo Pereira Alves, (PSD), o Dr. Miguel Ventura (PS) e o Eng. Rui Silva (Independente) lá estiveram à mesa, longe uns dos outros por mero circunstancialismo, a darem conteúdo ao período eleitoral que atravessamos.  

Política à parte, a Flor do Alva teve mais uma jornada de consagração, com uma enorme adesão de vilacovenses ao acto mais marcante da programação do seu aniversário: o almoço.

Como factos mais salientes das intervenções proferidas, refira-se a aquiescência do Presidente da Câmara, Eng. Pereira Alves, a um pedido para a compra de uma carrinha para a Flor do Alva, com a promessa de um donativo de dois mil e quinhentos euros.

Entretanto, o Sr. José Raimundo, Presidente da Filarmónica Flor do Alva, anunciava que o Maestro Ricardo Calado ia prorrogar o seu contrato como director artístico da Filarmónica por mais um ano. Será? É que minutos antes o maestro tinha-me dito que, por razões da sua vida particular, não podia continuar ao serviço da Flor do Alva. Uma dúvida a esclarecer. Entretanto, o Sr. José Raimundo deixava também um elogio à executante Dora Leitão, pela sua dedicação à Filarmónica. Uma referência que nós registamos. Quem mais se empenha merece no mínimo ser destacada.  

A jornada terminou com o concerto da Flor do Alva no átrio do edifício da Casa do Povo, seguido por muitos vilacovenses, que estão sempre de coração aberto para com a sua Filarmónica.

 

Nuno Espinal

 

 

 

 

 

 

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 21 Setembro , 2009, 11:18

 

Lançou a candidatura às autárquicas por Pomares e aproveitou para apresentar uma exposição de fotos que se foram recriando na sua actividade ligada ao blog “Rouxinol de Pomares”.

Sobre a candidatura, cada um que a interprete, se quiser, e, os que a ela se podem ligar pelo voto, que o façam, se o entenderem, e com o sentido que lhes ditarem as suas consciências.

Sobre a exposição, livre de imposições, aqui deixo uma apreciação pessoal. Gostei. As fotos, sem artifícios de técnica, revelam tão só a nudez da sua sensibilidade e a afectividade que nutre por Pomares e pela região.  São mostras de gentes, de paisagens, de ruralidades, de momentos, de pulsares.

São quilómetros e quilómetros no seu pesadão “jeep” (a caminheta como lhe chama) a freguesia percorrida de lés  a lés,  a emoção e o coração no disparo fotográfico, a suprema fruição do que faz e por quem o faz: a sua “Pomares”.

Parabéns caro António Silva. Sabe? É bom tê-lo como amigo. É que eu só gosto de amigos que são mesmo amigos do seu amigo.

 

Nuno Espinal

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Setembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9

17

20



pesquisar neste blog
 
subscrever feeds