publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 25 Julho , 2009, 09:11

Deixaram-se fotografar para que lhes pudéssemos exibir as novas “fardamentas”. E já agora leitores, qual é a vossa opinião? Houve ou não bom gosto? Sinceramente, achamos que sim.

Quanto à diferença, a explicação é a seguinte: para as tarefas da cozinha a “fardamenta” é toda em branco. Imposições regulamentares. Para as outras fica apenas um critério, o critério de escolha.

 

Entretanto, aproveitando a ocasião, aqui deixamos um desejo que formulamos às três modelos. Ou melhor, para começar, às duas modelos. Às mais jovens, a Manuela e a Joana. Que estreiem muitas fardamentas. É bom sinal para as duas. Quanto à Dª Adelaide não lhe formulamos igual desejo porque, simplesmente, muito em breve vai entrar, merecidamente, na situação de reforma. A idade assim o determina. Mas deixamos-lhe aqui também um voto. Um voto muito sincero: de que possa apreciar muitas, mas muitas vezes, a estreia de “fardamentas” no Centro de Dia. E, alargando o espaço dos destinatários destes votos, mais um desejo: o de que todos nós o possamos testemunhar. Com muita saúde, claro.

Nuno Espinal

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 25 Julho , 2009, 02:42

Bem hajas meu caríssimo amigo de infância Nuno Espinal pela notícia de meus queridos Avós.

É certo que antes os Professores não se limitavam a ensinar mas também a educar e que nem sempre seria bem compreendida essa dura missão.

No entanto nós fizemo-nos GENTE e educados.

Nunca se passava numa rua que se não saudassem as pessoas. Hoje, nem BOM DIA nem BOA TARDE.

Havia respeito e se algum miúdo dissesse em casa que havia levado uma palmada, logo os Pais perguntavam:"que fizeste tu?"

Hoje, na época AVANÇADA de BRANDOS COSTUMES, ninguém se conhece, todos refilam, nada acatam porque já nasceram ensinados e o respeito que os mais velhos nos mereciam "anda onde"? Pois é...somos “COTAS”, pois, mas a experiência da vida ensina-nos muito, que nos nossos verdes anos não enxergávamos.

Não creio que no tempo em que se confundem valores, se é que os há, essa realidade seja entendida.

Concordo que NEM 8 NEM 80 pois todos somos Gente.

Noto que actualmente se sabe pouco dessa tão importante matéria. Nós, alunos que fomos desse sistema antigo, cá estamos agradecidos e com carinho recordamos nossos MESTRES.

Hoje...isso sim! Ofendem-se e agridem-se os Mestres e se calhar em casa é o que Deus sabe e que nós não vemos ou sabemos.

Temos que ponderar e aprender a viver em DEMOCRACIA QUE NÃO É DE FORMA ALGUMA LIBERTINAGEM. Todos temos direitos consagrados, porém, nossa Liberdade finda onde começa o da pessoa que passa ao nosso lado.

Nesse tempo duro, havia mais respeito e contenção que é necessário REAPRENDER.

Só assim se pode caminhar para um Mundo MELHOR e mais JUSTO, não será?

 

Dalila Pina

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Julho 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11





pesquisar neste blog
 
subscrever feeds