publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 18 Julho , 2009, 20:33

Sinceramente duvidei. É que esta região não tem tradição de Fado. Em especial do fado de Lisboa. O fado de Coimbra, esse sim, ainda há quem o aprecie. Mas, o de Lisboa?...

E de resto nem tem que ter. De facto, o fado de Lisboa é uma manifestação urbana, não lhe atribuo âmbito nacional. Contém, sim, componentes que configuram muito da idiossincrasia de um qualquer português típico. Daí que, um pouco por todo o país, haja amantes do fado de Lisboa. Mas é fundamentalmente em Lisboa, como será óbvio, que, sendo ele mais vivenciado e o seu lugar de excelência, terá o grosso dos amantes.

Por isso, repito, duvidei. Conheço o ambiente, a entrega dos que de fado gostam. Mas aqui, nesta região?

Afinal enganei-me. Os que foram são amantes de fado de Lisboa e sabem senti-lo. E de Vila Cova também os lá havia.

 

Fados que aconteceram no Restaurante “O Cantinho da Saudade”, na Venda do Porco. Cantinho da saudade! Que nome! Nem de propósito.

 

Foi noite de fadistice sentida e vivida. Entretanto, entre os intérpretes, um nome a destacar: Joana Mendes. Que raça e sentimento!

 

Fica a sugestão de uma noite em Vila Cova. Noite de fado, claro. A ver vamos…

 

 

Nuno Espinal

 

 


comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Julho 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11





pesquisar neste blog
 
subscrever feeds