publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 19 Abril , 2009, 23:32

 

Olá Nuno
 
Já por várias vezes me questionei sobre a existência de documentos que pudessem testemunhar os programas das Récitas que levávamos à cena, habitualmente no dia 8 de Setembro, no salão paroquial. Foi com alguma emoção que vi esta minha questão respondida hoje no Miradouro (onde mais podia ser?). E os textos que eram representados, que será feito deles? Alguns, recordo-me bem, eram extraídos dos livros do "Menino Tonecas", verdadeira fonte de "estórias" mais ou menos hilariantes, de fazer inveja a um qualquer programa dos "malucos do riso"... E os que suportavam as peças de teatro e as actuações dos jograis, será que alguém conhece o seu paradeiro? Deixo um desafio à "malta" no sentido de os tentarmos encontrar/recuperar, para, também eles, serem documentos da História recente da nossa Vila Cova.
 
Grande Abraço
Antero Madeira.

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 19 Abril , 2009, 22:37

Com árbitros destes...nem o Porto ganha no Alqueidão.


publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 19 Abril , 2009, 11:46

 

A minha amiga Luísa Jordão fez-me chegar, com a sua habitual generosidade, um folheto que em Setembro de 1965 serviu de propaganda à récita que o grupo da Malta, de então, levou a efeito no Salão Paroquial.
Trata-se de um documento que tem a sua importância para a história contemporânea de Vila Cova, na medida em que é uma referência a uma época que nos meses de Verão adquiria uma caracterização muito própria.
Ainda me lembro de algumas das peripécias vividas na exibição de vários números da récita. Por exemplo, o “telejornal” foi dito por mim e pela Juca. Em um simples cartão foi recortado um rectângulo a simular um ecran de televisão. Eu e a Juca, cada um de sua vez, atrás do improvisado ecran, com um foco de luz apontado, líamos umas larachas humorísticas por nós escritas, sobre vivências de terra. A coisa até estava a correr bem até que a Juca, sabe-se lá porquê, desatou incontroladamente a rir, sem conseguir parar. Foi de tal maneira que contagiou a assistência. E então, quanto mais a Juca ria mais riam os espectadores e quanto mais riam os espectadores mais ria a Juca. Acabou por ser o momento mais hilariante da noite.
A récita contou ainda com um protagonista indesejado. O apagão, que várias vezes fez a sua aparição. De facto, de quando em quando ocorreram cortes de electricidade, típicos naquela época (ainda hoje), mas o espectáculo lá ia decorrendo, já que a luz tornava a reaparecer. Num desses momentos de escuridão ouve-se, em pleno Salão uma voz de falsete a gritar: “Estou a ser apalpada”. Caro, foi uma risota pegada. Só que houve quem não gostasse. Uma senhora mais preconceituosa chegou mesmo a dizer: Vejam lá, que impropério…com o Senhor Prior presente…que falta de respeito a Deus…
O espectáculo terminaria (o programa foi alterado) com uma monumental Serenata de Coimbra. Terminaria mas não foi assim que terminou. Quando em palco, eu o meu irmão, o Oliveira Alves e o Toneca, trajados com improvisadas capas à estudante, nos preparávamos para atacar (tudo em play back) os primeiros acordes do Fado Hilário, faltou em definitivo e luz. Após alguns minutos de espera deu-se, sem serenata, a récita por terminada.
Ao outro dia a Comarca de Arganil noticiava o espectáculo. O redactor tinha tido acesso ao programa e tinha obtido informações complementares. Só que não tinha assistido à récita. E então escrevia mais ou menos assim.
“A recita terminou com chave de ouro, com uma monumental Serenata de Coimbra, em que seis conhecidos fados emocionaram a assistência.”
 
“Tantas saudades, meus Deus…”
 
 
Nuno Espinal
 
 

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Abril 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9

14

23



pesquisar neste blog
 
subscrever feeds