publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 23 Agosto , 2008, 09:08

 

A ideia era recriar as velhas patuscadas dos anos 50 e 60. Um prato típico desses tempos, caldeirada de peixe e um dos locais tantas vezes escolhido para o deguste, a Senhora da Graça, foram elementos incontestáveis à recordação.
Tudo funcionou e bem. A caldeirada estava divinalmente cozinhada por “Mestre” Toneca (Gabriel de Almeida) e a boa disposição nunca faltou.
Claro, ausente esteve o inflamado discurso do Sr. António Leitão e as tossidelas gerais, sempre que o padre Januário (o Sr. Santos, neste eventos) bebia um trago de vinho.
 
Fomos cerca de dezassete, os desta patuscada. De todos, apenas um pertencia ao grupo dos que então era participante permanente. Eu, nesses tempos era muito jovem e apenas, excepcionalmente, tinha entrada numa ou outra almoçarada. Dos desses tempos, os da “Malta”, quase todos estão falecidos. É a eles que me dirijo nesta modesta evocação.
E o espírito de confraternização e solidariedade com que nos reunimos é como que um brinde com que os homenageamos.
 
“Vai acima, vai abaixo…bot' ábaixo.”
 
 
Nuno Espinal
 

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Agosto 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9






pesquisar neste blog
 
subscrever feeds