publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 05 Julho , 2008, 23:59

 

Vila Cova é uma das povoações do concelho que mais população tem perdido nos últimos anos. Esta evidência é, por si só, motivo de desencanto. Mas, no caso concreto de Vila Cova, para além de desencanto é também de revolta. Porque esta perda até podia estar longe da dimensão que veio a assumir. Bastaria, para tanto, que responsáveis autárquicos, quer a nível concelhio, quer de freguesia, tivessem, com empenho, criado, em tempo oportuno, condições urbanísticas em espaços da área de Vila Cova.
Não o fizeram. E sem outras alternativas foi para o lado de lá que alguns tiveram de abalar. E foi assim que se consolidou o casario da Ponte. Perdeu o Concelho, perdeu Vila Cova. E os ganhos, esses, estão todos de um outro lado. Do lado de Oliveira, do lado de Vila Pouca.
Todos?
Ainda nem todos. Porque os habitantes do chamado “lugar da ponte” ainda que com os pés em área de jurisdição alheia têm todos o coração de um só lado. Do lado da sua Vila Cova de Alva
Mas, por quantas gerações?
 
 
Nuno Espinal 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 05 Julho , 2008, 05:12

 

 

 

 

Conta a tradição que as raparigas casadoiras que façam o trajecto Outeiro/Capela de S. João, com uma pedra na mão, serão ouvidas pelo Santo que intercederá pela brevidade do seu casamento.
Quanto maior a pedra, mais o Santo se sensibilizará.
Um dia, lá fui eu também com um grupo de amigas – casadoiras e algumas não casadoiras – cumprir a tradição.
A minha prima Lídia (a mais novita do grupo) fez questão de levar a pedra mais pesada. E nunca a largou.
Eu, a páginas tantas, cansei-me e larguei a pedra. A subida não é nenhuma pêra doce.
O Santo não deve ter gostado do meu gesto porque fui a última a ser ouvida e já um bocado tarde.
 
 
Nazaré Pereira

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 05 Julho , 2008, 05:03

Intervenção no Fórum de José Carlos Gabriel sobre o apontamento que publicámos e intitulado: De Vila Cova...Nada!

 

"Depois de ter lido esta noticia não posso deixar de tecer o meu comentário.
Com toda a tecnologia hoje disponível é na realidade uma incompreensível falha mas eu não serei tão brando a classificar a mesma.
A isto eu chamo de INCOMPETÊNCIA.

JCG"

 


comentários recentes
O meu profundo sentir á minha querida amida Sra D....
os azulejos lhe davam valor e beleza. muito perdeu
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
Julho 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9

17

24

28


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds