publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 01 Julho , 2008, 00:44

Esta contou-ma o Antero Madeira e tem como principal protagonista o afamado “Luís Negro”.
 
A cena passa-se num dos Verões de”60”. A “Malta Sénior” encontrava-se em peso na “Senhora da Graça”, em deguste de uma animada patuscada, a preencher, na perfeição, uma das infalíveis animações, que aqueles tempos de tertúlias não dispensavam.
 
Lá estava o Sr. Prior, o Sr. Santos, como lhe chamavam, na informalidade desses momentos de paródia.
 
Iniciavam-se as primeiras garfadas, subia a galhofa no avolumar das primeiras goladas de um bom tinto.
 
Foi, então, que surgiu, uns metros ao longe, o castiço Luís Negro, o pastor do Convento, como que a espreitar, a perscrutar motivo de tanto alarido, jeito desengonçado, jaqueta de bedum ao ombro.
 
Logo alguém o topa e o chamamento faz-se ouvir: Anda cá Luís, anda beber um copo.
 
O Luís Negro não se faz rogado, ele e cajado, andar manquejado, e chega-se à variada mesa de pitéus. Dá com o Sr. Prior, agarrado a uma perna de frango.
 
-Ólh’ó Sr. Prior!
-Olá Luís, vá come uma também…
-Eu Sr. Prior! Pernas, nem pensar…pernas só pr’ás pôr de lado!
 
Há quem diga que o bom Padre Januário não se engasgou por um triz. Quanto à “Malta”, um resíduo de cerimónia impôs a custo a contenção do riso. E o Luís, percebendo o impacto da tirada, emborcou um ainda mais gozado copo de tinto.
 
 
Nuno Espinal
 
 
 

 


comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Julho 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9

17

24

28


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds