publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 21 Junho , 2008, 01:51

 

Foral ou carta de foral era um diploma que o rei ou um senhor laico ou eclesiástico concediam e que atribuía a determinado local autoridade legítima na regulação da vida colectiva.
 
Através deste tipo de documento as pessoas adquiriam liberdades e garantias que não deixavam de se repercutir nos seus bens, ao mesmo tempo que, entre outras medidas, eram estipulados impostos e tributos, como fontes de receita da coroa, ou de entidades concessoras do foral e concedidas imunidades colectivas.
 
A concessão de foral significava, para o povoado que o adquiria, o atestamento de certa importância. Ora, Vila Cova teve foral datado dos inícios do séc. XIV., foral este que, concedido por Stevem, Bispo de Coimbra, veio a ser confirmado no reinado de D. Manuel I, em 1514.
 
Ainda em 1471 foi concedido foral a Vila Cova por D. João de Galvão, também Bispo de Coimbra, e que alude ao primitivo, dado pelo Bispo Stevem, conforme se pode ler em foto que publicamos do documento.
 
 
Nuno Espinal
 
 
(Dados retirados de “Ecos do Alva” e que foram compilados por Carlos Gabriel )
 
 

comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Junho 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9


23

30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds