publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 13 Abril , 2008, 15:03
A data da fundação foi em 7 de Abril de 1918. Neste dia reuniram-se em Anceriz os Srs. António Antunes Leitão, José de Abreu Mesquita, Luís Mota da Fonseca, José Nunes da Costa, José Antunes Leitão, José de Figueiredo e Abel Mendes Ferrão com o intuito de convidarem o Sr. António Alves das Neves para regente da filarmónica que pretendiam organizar em Vila Cova. E é esta a data que se convencionou (porquê, por quem e desde quando não sei) como a de aniversário da Flor do Alva. Eu preferiria (é apenas uma opinião pessoal) que fosse a data de 23 de Junho do mesmo ano, data em que a Filarmónica se apresentou pela primeira vez a público, já consubstanciada em constituintes imprescindíveis para um seu reconhecimento como Banda Filarmónica, ou seja, músicos, instrumentos musicais, fardamentos e capacidade de interpretar peças musicais.
Mas, o que está está e nada adianta a controvérsia sobre o que se tornaria uma mera questiúncula. Até porque as datas efectivas das comemorações aniversariantes se vão adequando a permissões e possibilidades circunstanciais. Este ano, por exemplo, o aniversário é celebrado a 20 deste mês. E já são noventa anos de idade. O dia será preenchido com missa, almoço de confraternização e concerto.
Que se glorifique o passado, se enalteça o presente e se brinde pelo futuro.
Músicos da 1ª formação da Flor do Alva: Luís António Mendes Ferrão, António Luís, António Nunes Pedro, Cassiano Gabriel Mota, Joaquim Nunes de Oliveira, Arnaldo Fernandes, António Gaspar, José Marques, Alberto Gomes de Oliveira, Vítor da Costa Fonseca, António Camilo Jorge Ramos, António Joaquim Jorge, Manuel Nunes de Oliveira, Alfredo Pereira de Moura, Manuel Nunes, António Mota da Fonseca, Eduardo Francisco Filipe, Alexandre Gomes dos Santos, José Nunes da Costa, António Nunes de Oliveira e Costa, António Nunes Ferrão, Cassiano Pinto, Juvenal da Costa Marques, José Mendes da Cruz, António da Silva Ferrão, António Gouveia Jorge, José Gomes de Oliveira, António Pedro Ribeiro, Abílio Pedro Ribeiro, António Gabriel Mota e Alberto Mendes Esponso.
Nuno Espinal

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Abril 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9

18


28


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds