publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 28 Outubro , 2007, 23:43

Bem ao contrário das noites de Luanda, onde o calor é regra neste período do ano, as noites em Vila Cova já vão frias.
E se para Armando Lourenço (temporariamente na capital de Angola, por motivos profissionais) o desejo lhe pede um refrescante, já seu pai, Albano Lourenço, em roda com amigos no seu café em Vila Cova, aquece corpo e espírito com um tinto, bem português.
 
Sabemos que o Armando visitando, e com regularidade, o Miradouro lá vai sabendo notícias, afagando saudades. E hoje, por certo, mais do que nunca…
De Vila Cova um abraço para o Armando.

comentários recentes
Pode publicar. Achamos importante que o faça. Obri...
É uma informação muito importante.Espero que não s...
O texto relaciona.se, de facto, com minha tia e ma...
Sim, de facto Maria Espiñal, minha tia, era escrit...
Minha Mãe sempre me disse que a madrinha dela era ...
Uma foto lindíssima.
Olá :)Estão as duas muito bonitas.Ainda bem que a ...
PARABÉNS à nossa FILARMÓNICA!
O post anterior é assinado por mim Nuno Espinal
Não estive presente no jogo e nunca afirmo o que n...
Outubro 2007
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9


27



pesquisar neste blog