Clique para Ouvir
publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 30 Novembro , 2016, 21:21

15267971_1182462671849650_3226567248189107120_n.jp

No próximo dia 11 a “Flor do Alva” organiza um “almoço de natal”, aberto a todos os que nele queiram participar, que tem como objetivo, para além do fomento de um convívio, a angariação de fundos para a gravação de um CD.

A ementa do almoço é a seguinte:

Caldo Verde
Carne de porco à Alentejana
Sobremesas
Bebidas

Haverá ainda uma animação com a atuação do Grupo de Cantares “Melodias do Campo” de Santa Ovaia.

Este almoço de Natal termina com um magusto às 16 horas.


publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 29 Novembro , 2016, 12:51

Filarmonica Convocatória-page-002.jpg

 Assembleia Geral da Sociedade Filarmónica "Flor do Alva" dia 10 pelas 14 horas, com a seguinte Ordem de Trabalhos:

-Deliberação sobre proposta do orçamento para o exercício do ano de 2017 e sobre parecer do Conselho Fiscal;

-Revisão dos estatutos;

-Informações.


publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 28 Novembro , 2016, 08:00

miscaros.jpg

 

Correspondendo ao que já se tornou habitual em Coimbra, na época de Natal, vai realizar-se mais um encontro da Malta, desta vez com um almoço, dia 3, sábado, às 13 horas, não num restaurante da cidade, mas sim em Penacova.

O restaurante é o Côta, situado no local conhecido como a Azenha do Rio, na margem direita do Mondego.

Este restaurante aderiu, como outros da região, à preparação de um prato muito típico desta zona, “os míscaros”, prato também característico em Vila Cova, em tempos idos, no mês de novembro e ainda dezembro.   

Num site do “Côta” podemos ler o seguinte:

“Está aberta a época dos míscaros, inserida no "Mês dos Míscaros & do Serrabulho" sendo um dos pratos de época mais procurados pelos nossos clientes, este "arroz de míscaros" faz parte da nossa ementa diária desde a primeira semana de novembro. Este "petisco" estará presente na nossa carta, enquanto a disponibilidade do cogumelo existir, normalmente até meados do mês de dezembro.”

A associação gastronómica a Vila Cova, em face da confeção da iguaria dos míscaros, pesou na escolha deste restaurante, restaurante de resto conhecido na região pela sua qualidade.

Este já tradicional “encontro natalício”, marcado para o próximo dia 3, sábado, organizado pelos residentes da “Malta” em Coimbra, esteve sempre aberto, tendo mesmo incentivado, a todos os da malta que nele quisessem participar.

Porque este ano há um feriado, no dia marcado para o encontro, na proximidade do fim de semana, o número de participantes cresceu e está perto da meia centena, o que constitui um motivo acrescido de regozijo para todos os confraternizantes neste convívio.

 

Nuno Espinal


publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 24 Novembro , 2016, 00:43

Scanner_20161123.jpg

 

A Direção da Santa Casa de Misericórdia de Vila Cova celebrou um acordo com o Laboratório Santo Estevão, de Tondela, que proporcionará o acesso da população de Vila Cova e povoações vizinhas, (Anseriz, Vinhó, Casal de São João e Digueifel) a serviços da área da saúde, concretamente Análises Clínicas e Exames de Cardiologia (M.A-P.A. e Holter -  registo, respetivamente de tensão arterial e alterações no ritmo e frequência cardíaca, durante 24 horas -  e Eletrocardiogramas), serviços estes a serem realizados na Sala de Serviços de Saúde do Centro de Dia, em Vila Cova, às segundas feiras, a partir da 8h e 30m.

O Laboratório de Santo Estevão existe há mais de trinta anos e é dotado de equipamento altamente especializado e reconhecido por possuir uma equipa de grande competência e know how.

Os serviços iniciar-se-ão a partir do dia 5 de dezembro, bastando, a quem a eles pretenda recorrer, apresentar-se nas instalações do Centro de Dia da Santa Casa.

Entretanto, as pessoas acamadas e com deficiente mobilidade serão assistidas nos seus próprios domicílios.

 

 

 

 

 

 

 

 

   

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Segunda-feira, 21 Novembro , 2016, 21:00

IMG_2324 (1).JPG

 

Terminou ontem a “Visita Pastoral”, do Bispo de Coimbra, Dom Virgílio Antunes, à Comunidade Interparoquial da Serra do Açor e do Vale do Alva.

Durante cerca de duas semanas Dom Virgílio visitou várias localidades das Paróquias do Padre Rodolfo Leite, entre as quais Vila Cova, que cativou devido às suas palavras de grande simpatia, esperança e muito amor, que dirigiu, em várias ocasiões, aos Vilacovenses.

Em Vila Cova, o Sr. Dom Virgílio, visitou todas as Instituições, tendo nas instalações da Santa Casa almoçado e deixado palavras de exortação a dirigentes e trabalhadores e de muito carinho a todos os utentes, a quem se dirigiu pessoalmente.

Ontem, em Coja, depois da Missa celebrada no Pavilhão Gimnodesportivo, realizou-se um almoço, com a presença do Presidente do Município, Ricardo Pereira Alves e em que participarm cerca de 1200 pessoas, que quiseram partilhar com o Bispo de Coimbra momentos de grande confraternização.

Após o almoço, três médicos, entre os quais o Dr. Manuel Augusto e o Dr. Gama, representaram uma pequena peça escrita pelo Padre Rodolfo, intitulada “Os Três Cardeais”, que abordou o tema das “Obras de Misericórdia”, em argumento brincalhão, ainda que sem descurar a seriedade do assunto.

O Sr. Dom Virgílio despediu-se pouco depois, entre calorosos aplausos de todos os Paroquianos da Comunidade Interparoquial do Alto Concelho e da Serra do Açor presentes no Pavilhão, tendo antes ainda assistido a interpretações do Rancho “As Rosas” de Coja.

 

Nuno Espinal

 

IMG_2327 (1).JPG

IMG_2312 (1).JPG

IMG_2323.JPG

 

IMG_2329.JPG

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sexta-feira, 18 Novembro , 2016, 22:15

_DSC3965.JPG

 

A Visita Pastoral termina domingo com um grande encontro, em torno da pessoa do Bispo de Coimbra, Dom Virgílio Antunes, tendo como pontos altos a Missa, na Igreja Matriz de Coja, e o almoço, no Pavilhão Desportivo desta localidade, esperando-se neste convívio mais de mil paroquianos.

Esta noite (sexta), decorre um encontro do Sr. Dom Virgílio com as trabalhadoras das IPSS(s), tendo ontem o Sr. Bispo reunido com dirigentes destas Instituições de Solidariedade.

Na sessão que juntou Dom Virgílio com dirigentes, o Provedor da Santa Casa de Misericórdia de Vila Cova de Alva, Nuno Espinal, foi o orador representante da nossa Instituição.

Na primeira parte da sua intervenção, Nuno Espinal fez uma apresentação de dados sobre a história da Santa Casa.

Depois, revelou aspetos sobre o atual momento vivido pelas IPSS(s), referindo-se a um contágio perigoso, face à atual conjuntura política internacional, que podem perigar a democracia e afetar o chamado “Estado Providência”.

Referiu-se à Igreja, como um parceiro fundamental das Instituições de Solidariedade e terminou com um apelo, dirigindo-se aos seus parceiros de IPSS(s), e com uma citação de Alexandre Herculano.

“Há que agir, não podemos deixar que os acontecimentos nos invadam espaços, nos ultrapassem até.

“Dizia Alexandre Herculano /…/ que é o progresso das ideias que traz as reformas, e não o progresso dos males públicos quem as torna inevitáveis”.

A sessão terminou com uma intervenção de Dom Virgílio Antunes que demonstrou um conhecimento muito completo sobre as Instituições de Solidariedade, não se furtando a prever momentos difíceis para as IPSS(s), atendendo ao crescendo de dificuldades que lhes são expetáveis, face a uma diminuição, num prazo mais ou menos curto, de utentes.

 

Manuel Fernandes

 

_DSC3967.JPG

 

_DSC3985.JPG

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sexta-feira, 18 Novembro , 2016, 19:17

IMG_20161118_124622.jpg

 

Hoje faz anos a Sr.ª D. Maria do Céu Lourenço. E, claro, no Centro de Dia houve um momento de festa. E de todos nós aqui vão os “Parabéns”, à Sr.ª D. Maria do Céu, pelo aniversário dos seus 73 anos.


publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 16 Novembro , 2016, 11:34

15032650_1251148001575413_5107580674249946384_n-00

Esta semana, viveremos a última etapa da Visita Pastoral do Senhor Bispo à «Comunidade Interparoquial da Serra do Açôr e do Vale do Alva». Destacamos três momentos importantes, para os quais pedimos a divulgação e a partilha, por este ou outro meio, e a efetiva motivação para que todos os que puderem neles participem.

 

1º Momento:


ENCONTRO/MAGUSTO DO SENHOR BISPO COM OS NATURAIS DA REGIÃO A RESIDIR FORA


Data: dia 19 de Novembro, pelas 15:30 horas
Destinatários: Todos os que, sendo naturais destas 10 paróquias, estão a residir fora.
Lugar: Instalações da Cerâmica da Carriça, na vila de Coja

 

2º Momento:


CONCERTO DE AÇÃO DE GRAÇAS PELA VISITA PASTORAL PELA FILARMÓNICA PÁTRIA NOVA DE COJA


Data: dia 19 de Novembro, pelas 21:00 horas
Destinatários: Aberta a todos os que desejem participar
Lugar: Igreja Matriz, na vila de Coja

 

3º Momento:


CELEBRAÇÃO DE ENCERRAMENTO DA VISITA PASTORAL


Data: dia 20 de Novembro
Destinatários: Aberta a todos os que desejem participar
Programa:
10:00 horas – Sessão solene de acolhimento: Praça Alberto Vale
10:30 horas – Eucaristia: Pavilhão Gimnodesportivo de Coja
12:00 horas – Almoço: Pavilhão Gimnodesportivo de Coja
13:00 horas – Convívio: Pavilhão Gimnodesportivo de Coja
Lugar: Vila de Coja

 

 

Unidade Interparoquial do Alto Concelho de Arganil


publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 15 Novembro , 2016, 07:20

 

 

_DSC3087.JPG

 

Há muito que Vila Cova não vibrava com tanto entusiasmo, como o que manifestou, domingo passado, na visita do Senhor Dom Virgílio Antunes. A população esteve em peso na Praça, na receção ao Senhor Bispo, como depois na Missa, em que participou com a maior devoção.  

No cortejo, que acompanhou D. Virgílio desde a Praça até à Matriz, incorporaram-se a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Vila Cova de Alva, a Irmandade de Vinhó, uma representação da Capela de S. João e a Filarmónica Flor do Alva, que interpretou de números do seu repertório.

À entada da Igreja a pequena Lara recebeu o Senhor Bispo, a quem entregou um ramo de flores e leu a seguinte mensagem:

“Eu, por ser ainda pequena, fui escolhida para, em nome do Povo de Vila Cova, oferecer estas flores ao Sr. Bispo.

Disse-me um adulto que, neste gesto, estão simbolizados o Belo e o Bem.

E disse-me mais o adulto: O Belo está nas flores e o Bem está em todas as crianças que somos no nosso ainda estado de graça.

Quem me dera, quando for grande, sentir muito o aroma das flores e continuar a ser criança.

Obrigada Sr. Bispo por nos ter visitado.

Venha sempre. O Povo de Vila Cova gosta muito de si.”

Seguiu-se a Missa, celebrada pelo Sr. Dom Virgílio, com a nave da Matriz repleta de fiéis. Na homilia, Dom Virgílio, aludindo ao momento atual vivido pela humanidade, realçou a importância dos fiéis de todo o Mundo na defesa de valores cristãos, baluartes contra as ameaças às liberdade e injustiças em muitos países de todos os continentes.

Depois da Missa o Senhor Bispo esteve na Sede da União de Freguesias onde foi recebido por os Presidente da Autarquia, Sr. António Tavares e Presidente da Assembleia, Dr. João Figueira.

Após a cerimónia de boas vindas na Sede da União Freguesias de Vila Cova e Anseriz, o Sr. Dom Virgílio dirigiu-se à Instalações do Centro de Dia, tendo sido recebido pelos Presidente da Mesa da Assembleia Geral, Dr. Oliveira Alves, Provedor, Dr. Nuno Espinal e Vice Provedora, Dra. Margarida Figueiredo.

Dom Virgílio almoçou então nas instalações da Santa Casa, na companhia ainda de utentes, demais dirigentes da Instituição Santa Casa, dirigentes institucionais da União de Freguesias e membros da organização da Visita Pastoral.

Terminado o almoço, usou da palavra o Dr.  Oliveira Alves que começou por dizer:

“Estou convicto de que nem nos mais belos sonhos algum de nós sonhou ter connosco, à nossa mesa, o Bispo da Diocese de Coimbra, o nosso Bispo”.

E prosseguindo o seu discurso, veio ainda a referir, dirigindo-se a Dom Virgílio:

“A visita de V. Exª, mais do que um ato, diria, oficial, no âmbito da visita pastoral que entendeu dever fazer ao nosso concelho é um aconchego especial que guardaremos em bom recato nos nossos corações”.

Salientou, então, tecendo considerações sobre Vila Cova, a aspetos da sua interioridade, à emigração, à sangria demográfica ocorrida e ao envelhecimento da população.

Este último aspeto suscitou-lhe a seguinte observação:

“Quando a evolução demográfica apontava já para um aumento da população idosa, com todas as consequências daí decorrentes, foi a Igreja a primeira Organização a despertar e a chamar a atenção dos poderes públicos para os problemas de índole social que aí vinham e para os direitos sociais.”

O impulso à Ação Assistencialista e às Santas Casas de Misericórdia protagonizado pela Igreja, foi registado por Oliveira Alves, tendo ainda aludido ao papel de apoio aos idosos por parte da Santa Casa de Misericórdia de Vila Cova, nomeadamente pelo trabalho dedicado e exemplar das suas trabalhadoras e pelo papel de mérito desempenhado pelos seus dirigentes, com uma palavra especial para o Provedor, Nuno Espinal “zelando para que nada falte e, mais do que isso, para que a instituição observe todo o complexo de legislação a que está obrigada. A ele ficará a dever-se a ampliação destas instalações, o que propiciará maior comodidade e bem-estar aos utentes, em boa medida graças a um apoio que obteve da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa”.

Já quase no fim do seu discurso, Oliveira Alves teceu ainda elogios à pessoa do Padre Rodolfo Leite, realçando a “sua capacidade mobilizadora, a sua força persuasiva, a sua energia e dinamismo. Foi uma bênção”.

Após o discurso de Oliveira Alves, o Sr. Bispo tomou então da palavra, agradecendo todo o apoio e simpatia do Povo de Vila Cova, e manifestou a convicção de que virá mais vezes à nossa terra. Exortou dirigentes e trabalhadoras da Santa Casa, em comunhão de esforços, a prosseguirem o seu importante e difícil papel nos cuidados tão imprescindíveis aos utentes.

Muito aplaudido, o Sr. Dom Virgílio Antunes, despediu-se então de todos, partindo em direção aos Cepos, onde cumpriria outros compromissos da sua Visita Pastoral.

No momento da despedida, ressoaram ainda para muitos estas palavras ditas por Oliveira Alves no seu discurso:

O passado é história

O futuro é mistério

O hoje é uma dádiva

Por isso, se chama de presente.

Tê-lo aqui hoje, Senhor D. Virgílio, foi para nós um maravilhoso “Presente”

 

Manuel Fernandes

 

_DSC3096.JPG

 

_DSC3124.JPG

 

 

_DSC3120.JPG

 

_DSC3132.JPG

 

_DSC3270.JPG

 

_DSC3271.JPG

 

_DSC3280.JPG

 

_DSC3304.JPG

 

 

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 13 Novembro , 2016, 21:09

Excelente vitória do Vilacovense perante a equipa segunda classificada da série na temporada transata. O Vilacovense realizou uma exibição muito conseguida e obteve o golo solitário do jogo, de resto mais que merecido, a quinze minutos do final da partida.

A partir daí suportou a reação do adversário, valendo a superior exibição do nosso guarda redes.


comentários recentes
Parabéns Vila Cova do Alva e toda a sua gente.Um g...
eu gostaria muito de estar a ai para ajudar porque...
Também digo em relação à minha terra - "Torroselo...
parabens para a dona natalia e muitos anos de vida
Os meus sentimentos a familia gostava muito desta ...
Já agora que pintem a fachada da igreja...serviço ...
Parabéns, D. Albertina, pelos seus 95 anos e desej...
parabens e muitos anos de vida gosto muito de si
parabéns dª Albertina muito anos de vida pela fren...
Novembro 2016
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

14
17
19

20
22
23
25
26

27


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds