Clique para Ouvir
publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 27 Fevereiro , 2013, 20:17

 

Caminhamos, dia a dia, a estrada da vida.

Nesta quase março, a neve na serra, o amarelo das mimosas.

Daqui a uns dias é Primavera…

Até lá,

Um dia de cada vez, um dia mais e mais, na estrada da vida.

 

Nuno Espinal


publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 26 Fevereiro , 2013, 20:49

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Domingo, 24 Fevereiro , 2013, 18:22

Apuramento do Vilacovense dependente de resultados de outros.


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 23 Fevereiro , 2013, 18:31

 

Amanhã em Vila Cova um jogo de grande emoção com o Pomarense, já que o Vilacovense é obrigado a vencer para garantir a passagem à fase seguinte do Inatel.

Trata-se da última jornada da série e espera-se um grande apoio dos adeptos da equipa de Vila Cova e muita entrega dos jogadores, o que tem sido característica constante em todos os jogos, nomeadamente no último disputado em Penalva e que se saldou num empate a zero. Um jogo em que o Vilacovense foi superior, mas sem a pontinha de sorte que redundaria nos três pontos.

 

Ficha técnica do Penalva 0  Vilacovense 0

 

 Constituição da equipa:
Guarda-Redes: Flávio
Defesas: Jorge Sousa, António Cruz (cap.) Wilson Saraiva e Ricardo Nunes (Fábio aos 70 minutos);
Médios: Luis, Moniz, Jorge e Ricardo
Avançados: João e Nick
 Suplentes não utilizados: Nelson Amaral e Bruno Santos.

 

Treinador: Rui Mota.
 
Massagista: Fernando Figueiredo.
Delegado: José Santos

 

 

Nuno Espinal/Fábio Leitão

 

 

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sábado, 23 Fevereiro , 2013, 18:30

Cá ficaremos à espera desse projeto "Arte para Vila Cova" pois os seus Artistas são merecedores dos maiores encómios. Mas nesta oportunidade, quero dar testemunho do meu grande apreço pelo amigo José-Luís Ferreira (permita-me que assim o considere) por ter passado por uma tão grande provação. Na minha qualidade de avô, não teria, certamente, força e ânimo para me oferecer à colaboração de outras atividades. Só um grande caráter se dispõe a entregar-se ao bem comum. Um grande abraço solidário ao J-L F, amigo dos Vilacovenses.

 

Joaquim Espiñal


publicado por Miradouro de Vila Cova | Sexta-feira, 22 Fevereiro , 2013, 14:31

Ponta de feltro, vinho e café sobre toalha de papel da tasca do Ernesto! Desenho H.Gabriel




O Henrique Gabriel enviou-me esta mensagem sobre o “Projeto Arte para Vila Cova” que, pelo seu interesse para a comunidade, passo a divulgar:


Caro Nuno:
O súbito falecimento em Dezembro de uma neta, com 11 anos, do José-Luis Ferreira e uma operação a que se submeteu recentemente deixaram-no bastante fragilizado e incapaz de dar o apoio necessário à efectuação este ano do projecto de Arte para Vila Cova como tinha sido falado. Daí a minha falta de notícias sobre o assunto até agora, pois esperava, ou desejava. que se restabelecesse a tempo de poder agarrar ainda o projecto. Por outro lado necessitaremos de apoio financeiro que dado o panorama nacional não me parece que possamos contar de momento da parte das autarquias. Proponho no entanto que não se deixe cair a ideia e que assim que o J-L F estiver capaz se faça a combinada reunião e se elabore um dossier cuidado para apreciação da Câmara Municipal. A data do evento será definida quando estiverem reunidas as condições materiais e humanas para o efeito.
Vou reenviar esta mensagem para os outros elementos da malta que se mostraram interessados em fazer avançar o projecto.
Grande abraço
Henrique

 

Caro Henrique:

Conta comigo. Estarei na linha da frente.

Grande Abraço,

Nuno Espinal



publicado por Miradouro de Vila Cova | Quinta-feira, 21 Fevereiro , 2013, 15:47

Foi com tristeza que recebemos a notícia do falecimento, ontem, da Sr.ª Dª Maria Irene,  de 87 anos de idade, que há cerca de 9 anos recebia prestação de serviços no Lar de Coja. Era viúva do Sr. Alípio Silva,  irmã da Sr.ª Dª Fernanda Ramos, recentemente viúva do Sr. Emerenciano Duarte e mãe da Sr.ª Dª. Isabel Maria Ramos Silva Moreira, residente no Pisão, e dos Srs. João Jorge Ramos da Silva, residente na Cerdeira e Rui Manuel Ramos da Silva, residente em Lisboa.

Apresentamos à família as nossas condolências.


publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 20 Fevereiro , 2013, 19:24

Caros Sócios e Amigos do GDVilacovense,

O Grupo Desportivo Vilacovense, vem por este meio convidar todos os seus associados e amigos a estarem presentes da estreia oficial do novo equipamento do Vilacovense.

Para tal, no próximo dia 3 de Março de 2013 ás 15h em Vila Cova de Alva irá realizar-se um jogo entre as Velhas Guardas do G.D. Vilacovense e a atual equipa da época 2012/2013.

Aproveitamos para antecipadamente agradecer ao nosso patrocinador do equipamento o Sr. Joaquim Lopes através da sua empresa a Planeta Alumínios de Coimbra com a contribuição de 60% do valor de aquisição do mesmo, bem como a todos sócios, e amigos que contribuíram na compra de rifas para esta causa.

O nosso Bem-haja a todos.

Esperamos por vós para este convívio!

 

A Direção

 


publicado por Miradouro de Vila Cova | Quarta-feira, 20 Fevereiro , 2013, 19:19

É com grande pesar que informamos o falecimento da Sr.ª Dª. Adélia Ribeiro, de 81 anos de idade, mãe da Sr.ª Dª Zira Paiva e avó das Drªs. Andreia e Patrícia Paiva.

Apresentamos à Família as nossas condolências.


publicado por Miradouro de Vila Cova | Terça-feira, 19 Fevereiro , 2013, 23:42

Francisco Quevedo é um dos mais prestigiados intelectuais de sempre da história castelhana. Escritor, poeta, filósofo, politólogo, uma personalidade verdadeiramente eclética na arte literária, celebrizou-se ainda, um tanto ao jeito do nosso Bocage,no século XVII, pela sua vida boémia e pelas muitas histórias que de si contam.  

Esta história, que retirei de um artigo assinado no Público de hoje por José Vítor Malheiros, é, para mim, tão deliciosa que não me furto a partilhá-la com os leitores do Miradouro.  

«/…/Um dia, em conversa como rei e um grupo de fidalgos, Quevedo declarou que um pedido de desculpas podia ser mais humilhante para quem o recebia do que um insulto. O rei (Filipe IV) considerou o comentário um perfeito disparate e disse-o ao poeta, mas este manteve a sua posição, para irritação do rei que acabou por lhe dizer: “Se não provas o que dizes antes que o sol se ponha, mandarei cortar-te a cabeça!” E saiu da sala. Mas, ao passar por Quevedo, este não se lembrou de outra coisa senão de lançar as mãos às nádegas reais e apalpar-lhe o rabo, para estupor da assistência. O rei, apoplético, voltou-se para ver quem era o atrevido e, quando deu de caras com Quevedo, balbuciou louco de raiva: “Quevedo! Como te atreves?”, ao que o poeta respondeu sem hesitar: “Perdoe-me Majestade! Pensei que era a rainha!”

A história acaba com o rei a rebentar numa gargalhada. /…/»

 

Nuno Espinal


comentários recentes
Parabéns Vila Cova do Alva e toda a sua gente.Um g...
eu gostaria muito de estar a ai para ajudar porque...
Também digo em relação à minha terra - "Torroselo...
parabens para a dona natalia e muitos anos de vida
Os meus sentimentos a familia gostava muito desta ...
Já agora que pintem a fachada da igreja...serviço ...
Parabéns, D. Albertina, pelos seus 95 anos e desej...
parabens e muitos anos de vida gosto muito de si
parabéns dª Albertina muito anos de vida pela fren...
Fevereiro 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
13
15


25
28


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds